8º Congresso Brasil-Alemanha de Inovação

© Divulgação

Resistir à crise com inovação, papel da bioeconomia na economia circular e de que forma as redes intraorganizacionais e a diversidade impulsionam a inovação. Esses são os temas centrais dos palestrantes alemães convidados pelo Centro Alemão de Ciência e Inovação (DWIH) São Paulo no 8º Congresso Brasil-Alemanha de Inovação, cujo mote é “What drives innovation?”. O evento, que acontecerá on-line de 24 a 25 de setembro, é organizado pela Câmara de Comércio Brasil-Alemanha de São Paulo (AHK São Paulo) em correalização com o DWIH São Paulo.

Painéis temáticos desdobram aspectos da questão central do Congresso Brasil-Alemanha: Innovation Toolbox, Human-driven Innovation e Enviroment-driven Innovation. Como trazer a inovação para dentro da sua empresa e atender às necessidades dos novos consumidores? De que forma o meio ambiente tem guiado os esforços de inovação das empresas? Qual o papel do ser humano na evolução da inovação? O congresso espera responder a essas e outras perguntas por meio de oficinas, painéis e palestras com convidados do mundo empresarial e científico do Brasil e da Alemanha.

Palestrantes do DWIH São Paulo

Para falar sobre a temática central do congresso, o DWIH São Paulo convidou como keynote speaker Christoph Schmidt, presidente do Instituto Leibniz de Economia e Pesquisa (RWI). PhD em ciências econômicas, Schmidt discorrerá, no dia 24/9, às 14 horas, sobre como os negócios podem resistir às crises por meio da inovação.

Anne-Shophie Kopytynski, diretora executiva do AWARE Center (Rede Aplicada em Pesquisa e Educação Automotiva), da Universidade de Ciências Aplicadas de Ingolstadt (THI), apresentará de que forma a diversidade e parcerias com redes intraorganizacionais podem impulsionar a inovação. Também convidada do DWIH São Paulo, ela exibirá a dinâmica de formação e desempenho do AWARE Center. A rede é baseada em parceiros intersetoriais da ciência, governo e indústria, com agentes em diferentes níveis acadêmicos, econômicos e culturais, que se dedicam à pesquisa aplicada. A palestra da diretora do AWARE Center será conduzida no dia 25/9, às 10h25, dentro do painel Human-driven Innovation.

Imagem de divulgação do 7º Congresso Brasil-Alemanha de Inovação

O Centro Alemão de Ciência e Inovação traz ainda para o evento Magnus Fröhling, titular da cadeira de Economia Circular na Universidade Técnica de Munique (TUM). O professor Fröhling é especialista em tecnologias para reciclagem e conversão de biomassa. Em sua exposição no congresso, ele discorrerá sobre como atingir os 17 objetivos da ONU para transformar o mundo a partir de conceitos da bioeconomia. Lembrando que, desde 2018, a União Europeia criou uma estratégia de bioeconomia que visa acelerar a implantação de uma agenda econômica sustentável na região até 2030 para cumprir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, bem como o Acordo de Paris. A exposição de Fröhling acontecerá no painel Enviroment-driven Innovation, no dia 24/9, às 15h15.

“Com estas contribuições da ciência alemã, o DWIH São Paulo oferece ao público do congresso temas que ganham rapidamente relevância na Alemanha, tais como economia circular, economia verde e a importância da diversidade humana e social nas equipes de pesquisa e inovação”, afirma Marcio Weichert, coordenador do DWIH São Paulo, que também espera contar nesta edição com maior público da Alemanha no evento, uma vez que ele será on-line.

Startups Connected

O evento também será palco da premiação do programa Startups Connected, de iniciativa da Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha (AHK São Paulo) que premia startups dos dois países com um programa de aceleração. A categoria “Brasil Sustentável”, lançada pelo DWIH São Paulo neste ano, oferece assessoria a uma startup alemã de base científica para atuar no Brasil.

A vencedora do desafio “Brasil Sustentável” foi a PipePredict. As concorrentes ao prêmio apresentaram soluções inovadoras a diferentes Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU. A startup vencedora desenvolveu tecnologia digital para manutenção preventiva de forma virtual, inclusive com uso de digital twin, para monitorar e localizar, em tempo real, vazamentos em tubulações, sejam elas transportadoras de água, esgoto, gás, óleo ou outra substância.

Concorra a cortesias para o Congresso

Para participar do congresso, é preciso adquirir ingresso no site.

Para estudantes e professores universitários, bem como pesquisadores e profissionais de inovação, o DWIH São Paulo dispõe de uma quota ingressos de cortesia. Interessados em receber um ingresso de cortesia devem preencher o formulário on-line do Google Docs, identificando-se, justificando seu interesse pelo congresso e motivo pelo qual deve receber um ingresso do DWIH.

A data limite para o envio dos pedidos é dia 13 de setembro.