GIZ

Há 60 anos, Brasil e Alemanha dialogam sobre formas de desenvolvimento que abracem o crescimento econômico, a inclusão social e a conservação do inestimável patrimônio natural brasileiro.

A essa colaboração mútua foi dado o nome de Cooperação Brasil-Alemanha para o Desenvolvimento Sustentável – um trabalho que teve início com ações entre o governo alemão e pequenas cooperativas brasileiras nos anos 1960 e 1970, para se tornar, ao longo das décadas, uma parceria sólida entre os dois países, que envolve a atuação de governos, da iniciativa privada e da sociedade civil.

Um dos pilares da Cooperação está na proteção e no uso sustentável das florestas e da biodiversidade, onde desempenha papel importante na busca de novas formas de desenvolvimento, capazes de proteger o clima e contribuir com o equilíbrio dos ecossistemas no planeta. A capacidade singular do Brasil em
produzir energia limpa também coloca o estímulo às fontes renováveis e à eficiência energética no centro dessa parceria.

A Cooperação Brasil-Alemanha está de norte a sul do país, seja no campo ou nas grandes cidades; apoiando pequenos produtores ou formando jovens para as profissões do futuro; protegendo comunidades tradicionais ou desenvolvendo tecnologia de ponta. O propósito é sempre o mesmo: transformar o presente e construir um futuro mais justo e sustentável.

São inúmeras as possibilidades de trocas entre Brasil e Alemanha em vários setores. Facilitar o aprendizado mútuo, incentivar cadeias de produção sustentáveis e tornar as matrizes dos dois países mais verdes é justamente o papel da Cooperação. Programas regionais e globais sobre temas como transformação urbana e prevenção à corrupção completam o portfólio da GIZ no Brasil.

Contato

Stephan Gortz

Gerente de portfólio da GIZ no Brasil