Associação Leibniz

A Associação Leibniz reúne 96 instituições autônomas de pesquisa. Suas áreas de atuação vão desde as ciências da natureza, ambientais e as engenharias, passando pelas ciências econômicas, espaciais, sociais, até as ciências humanas. Os institutos Leibniz dedicam-se a questões de relevância social, econômica e ecológica. Eles realizam pesquisa básica orientada para a prática e para a produção de conhecimento, inclusive nos institutos associados, onde mantêm infraestruturas científicas e prestam serviços de pesquisa.

A Associação Leibniz dá destaque à transferência de conhecimento, especialmente com os Museus de Pesquisa Leibniz. Ela assessora e informa os setores político, econômico, empresarial e o público em geral.

Os institutos Leibniz colaboram intensamente com universidades – através do “Leibniz ScienceCampi” (parcerias temáticas entre universidades e instituições de pesquisa não universitárias), por exemplo – assim como, com a indústria e outros parceiros locais e internacionais. Os institutos Leibniz estão sujeitos a um processo de avaliação transparente e independente. Por sua importância nacional, os governos federal e estadual apoiam, juntos, os institutos da Associação Leibniz. As instituições da Associação Leibniz empregam mais de 20 mil pessoas em suas instalações, entre as quais 10 mil cientistas, e contam com um orçamento total de mais de 1,9 bilhão de euros.

Contato

Dr. Samuel Krug

Relações Internacionais