Universidade de Münster

Com cerca de 45.000 estudantes a Westfälische Wilhelms-Universität (WWU) Münster é uma das maiores universidades na Alemanha. Sua ampla oferta de estudos e a variedade de linhas de pesquisa, assim como a atmosfera e a qualidade de vida da cidade de Münster, fazem dela um ponto de atração para estudantes e cientistas nacionais e internacionais. Ao contrário dos modernos campi universitários a Universidade de Münster não surgiu do nada, mas se desenvolveu ao longo de seus dois séculos de história. Os institutos e departamentos distribuem-se por mais de 200 edifícios espalhados por toda a cidade.

Mais de 120 disciplinas em 280 cursos de graduação

A oferta de estudos soma mais de 120 disciplinas nas áreas de Ciências Sociais e Humanas, Medicina e Ciências Exatas. Grandes faculdades gozando de excelente reputação como Direito, Economia e Administração, Filosofia ou Medicina atraem anualmente muitos milhares de estudantes a Münster. Mas a Universidade de Münster se destaca também por suas inúmeras pequenas disciplinas, que somente podem ser estudadas em poucas universidades na Alemanha, como por exemplo, Estudos Islâmicos, Geoinformática e Ecologia Ambiental. Ademais, a Universidade de Münster tem uma ampla oferta de programas de mestrado, cursos de pós-graduação estruturados e programas de doutoramento.

Elevado nível de pesquisas

O perfil das pesquisas da universidade é bastante variado. Com seus dois clusters de excelência “Religião e Política“ e  “Mathematics Münster”, a universidade posicionou-se entre as universidades alemãs de alto nível dentro da chamada “Iniciativa de Excelência”, criada pelos governos federal e estaduais alemães. Outra área de reconhecida reputação científica é a pesquisa clínica básica, na qual médicos e cientistas estudam doenças cardíacas e inflamatórias crônicas. Química Orgânica, Biomedicina Celular,  Análise de Superfícies, Planetologia, Nanoanálise, Medicina Reprodutiva, Estudos sobre os Países Baixos são outras áreas centrais de pesquisa na universidade.

Internacionalização

Os contatos científicos dos pesquisadores de Münster alcançam todos os continentes. Parcerias oficiais e acordos de cooperação interligam a Universidade de Münster com mais de 550 universidades e institutos de pesquisa em todo o mundo. Com entidades brasileiras contam-se 18 acordos institucionais, incluindo as agências de fomento CAPES e FAPESP, e inúmeras parcerias científicas. Em torno de 3.600 estudantes estrangeiros de mais de 100 países estão matriculados atualmente na Universidade de Münster, incluindo inúmeros bolsistas do programa “Ciência sem Fronteiras”. A Universidade de Münster mantém também uma Cátedra Brasil com apoio da CAPES.

Perfil

280 cursos de graduação, 15 faculdades, 45.000 estudantes, 7.300 alunos formados, 571 cátedras, 4.600 colaboradores científicos, 6 cursos de doutorado estruturados nacionais e 4 internacionais, 15 centros de pesquisa colaborativa, 2 clusters de excelência.

O Centro Brasileiro da Universidade de Münster

Há mais de 50 anos a Universidade de Münster mantém intensos contatos com pesquisadores e universidades no Brasil. Atualmente existem cerca de 40 cooperações com mais de 20 universidades brasileiras, entre outras nas áreas de biologia, direito, geoinformática, sistemas de informação e farmácia. Em função disso, foi fundado em 2010 o Centro Brasileiro da Universidade de Münster. A missão do Centro Brasileiro é aprofundar as cooperações da Universidade de Münster com o Brasil nos setores de ensino, pesquisa e transferência de conhecimento, bem como aconselhar e apoiar as pessoas e institutos da Universidade nesses campos.

O Centro Brasileiro com seu escritório de contato em São Paulo representa também um serviço de apoio para universidades e estudantes brasileiros interessados em estudar e pesquisar na Alemanha. Ao mesmo tempo deve divulgar, tanto internamente na universidade quanto junto ao público alemão em geral, uma imagem mais autêntica dos potenciais científicos e econômicos do Brasil.

As funções do Centro Brasileiro compreendem:

  • Estabelecimento e desenvolvimento de cooperações institucionais
  • Iniciação e acompanhamento de projetos de pesquisas
  • Identificação de parceiros de pesquisas na Alemanha e no Brasil
  • Análise de programas de fomento
  • Apoio à transferência de conhecimento
  • Intercâmbio de cientistas e estudantes
  • Coordenação de um escritório de contato em São Paulo

Áreas prioritária da WWU Münster para cooperação científica e com empresas no Brasil

  • Cluster de Excelência “Religião e Política nas Culturas das Eras Pré-Moderna e Moderna”
  • Cluster de Excelência “Mathematics Münster”
  • Biomedicina Molecular
  • Pesquisa em Baterias
  • Nano(bio)technologia
  • Evolução
  • Planetologia
  • Neuromedicina e Medicina Cardiovascular
  • Inflamação e Infecção
  • Agência de Transferência de Conhecimento (AFO)

Contato

Laura Redondo de Campos

Diretora