Palestra: 100 anos de “Bauhaus” no Rio de Janeiro

© Goethe-Institut

Prof. Dr. Bert Hoffmann fala sobre a influência inesperada da América Latina na tradição modernista da Alemanha no dia 6 de novembro no Rio de Janeiro

A história da modernidade é comumente contada como unidirecional: como seus conceitos foram desenvolvidos na Europa e na América do Norte e, a partir daí, expandiram-se para o resto do globo. Um caso clássico é a escola “Bauhaus”, fundada em Weimar, na Alemanha, há 100 anos, e que se tornou um marco global da modernidade na arquitetura, nas artes e em outros campos. Em contraste com a narrativa dominante, esta apresentação analisa emaranhados e contracorrentes inerentes ao processo. Ela mostra a globalização da “Bauhaus” na direção oposta: não como se espalhou da Alemanha para a América Latina, mas como as experiências latino-americanas deixaram sua marca na “tradição Bauhaus” na Alemanha.

Bert Hoffmann é Pesquisador Sênior no Instituto GIGA de Estudos Latino-Americanos, Hamburgo, e Professor de Ciência Política na Freie Universität Berlin.

Informações sobre o evento

6 de novembro de 2019, 13:00 até 15:00

Auditório Padre Anchieta, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), R. Marquês de São Vicente, 225, Gávea, Rio de Janeiro
Organizador: PUC-Rio e Goethe-Institut